ACESSO RÁPIDO
Hospital Dom João Becker

Pacientes com desnutrição são alvo de campanha no Dom João Becker

Publicado 01 de July de 2022
Pacientes com desnutrição são alvo de campanha no Dom João Becker

Nessa quinta-feira (30), a Equipe Multiprofissional de Terapia Nutricional (EMTN) do Hospital Dom João Becker realizou uma importante ação no combate à desnutrição em ambiente hospitalar. Denominado como “Dia D – Diga Não à Desnutrição” contou com a visita a todas as unidades de internação do hospital, visando reforçar em colaboradores, pacientes e acompanhantes a importância da alimentação adequada para a prevenção e recuperação de enfermidades. Estudo promovido pela revista especializada Clinical Nutrition revela que 60% dos pacientes que dão entrada em um hospital apresentam algum grau de insegurança alimentar. Uma estatística que assusta, não só nutricionistas, mas principalmente médicos, enfermeiros e demais profissionais de saúde.

De acordo com a nutricionista do HDJB, Fernanda dos Santos, a ação visa tornar público o conceito sobre desnutrição hospitalar e responsabilidade social. “Seis em cada dez pacientes chegam aos hospitais com problemas alimentares. É preciso buscar soluções para reduzir esse índice”, comenta. Membros da EMTN (médicos, enfermeiros, psicólogos, fonoaudiólogos, fisioterapeutas, farmacêuticos e nutricionistas) percorreram as unidades do hospital com material informativo, contendo onze passos que incluem triagem, diagnóstico e tratamento da doença, um manejo multidisciplinar no qual a alimentação é peça fundamental. De acordo com Rede Brasileira de Pesquisa em Soberania e Segurança Alimentar e Nutricional (Rede Penssan), cerca de 116 milhões de brasileiros (mais da metade da população do país) tem algum grau de insuficiência alimentar.

Quando um paciente chega ao hospital com problemas nutricionais, corre riscos de não obter sucesso no tratamento. “No âmbito hospitalar, a desnutrição acarreta em pior resposta imunológica, atraso no processo de cicatrização de feridas, risco elevado de complicações cirúrgicas e infecciosas, maior probabilidade de desenvolvimento de lesão por pressão, aumento no tempo de internação e, consequentemente, risco de aumentar a mortalidade”, destaca Fernanda. Diante disto foi criada a campanha "Diga Não a Desnutrição" da Sociedade Brasileira de Nutrição Parenteral e Enteral (BRASPEN), que tem o Hospital Dom João Becker com apoiador.

Texto e imagem: Nelson Dutra/Santa Casa


61 visualizações